Notícias das Associadas

23/05/2024
 

Todo ano, em 29 de maio, se celebra o Dia Mundial da Energia. A data foi instituída pela Direção-Geral de Energia de Portugal em 1981 e tem por objetivo conscientizar a população e os governos sobre a importância do uso da energia, bem como sobre os impactos da sua geração e alternativas para minimizá-los. Prévia do Boletim Info Mercado Quinzenal da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE) aponta que os consumidores brasileiros demandaram 71.200 megawatts médios em janeiro de 2024, 6,6% a mais na comparação com o mesmo período do ano passado, já considerando que surgem a cada dia mais e novos equipamentos elétricos e eletrônicos conectados em rede.

Segundo Jamil Mouallem, engenheiro e diretor Comercial e de Marketing da TS Shara, fabricante nacional de nobreaks e estabilizadores de eletricidade, o aumento no consumo energético acende o alerta sobre a necessidade do uso racional da energia, com as melhores práticas recomendadas pelas autoridades globais do setor, bem como apostar nas fontes renováveis de geração como alternativa para reduzir o impacto negativo da geração tradicional e reduzir drasticamente as emissões de carbono.

Os modelos de geração de energia mais sustentáveis são uma preocupação global e no Brasil já são alvos de políticas de incentivo. Por exemplo, em junho de 2023, o Comitê dos Fundos de Investimento Climáticos aprovou o ‘Programa de Integração de Energia Renovável’, criado com o apoio do Ministério de Minas e Energia. A iniciativa visa injetar US$ 70 milhões em investimentos no país. Para Mouallem, é fundamental buscar soluções que não apenas atendam às nossas necessidades presentes, mas também protejam o meio ambiente e assegurem um futuro próspero para as gerações futuras.

“A geração de energias limpas, como solar, eólica, hidrelétrica e geotérmica, é essencial para reduzir as emissões de gases de efeito estufa e mitigar os efeitos das mudanças climáticas, nesse sentido, países ao redor do mundo estão investindo em infraestrutura e tecnologias que possibilitam uma maior integração dessas fontes de energia renovável em suas redes elétricas, tornando-as mais resilientes e sustentáveis”, ressalta.

O diretor da TS Shara ainda alerta que práticas eficientes e tecnologias inovadoras são determinantes, não apenas para diminuir o impacto ambiental, como na economia de recursos e na redução de custos operacionais. Nesse sentido, projetos de eficiência energética em residências, edifícios comerciais e industriais desempenham um papel crucial na transição para um futuro energético mais sustentável. “Se por um lado as geradoras e distribuidoras precisam investir em infraestruturas mais limpas e eficientes, cabe aos usuários adotarem medidas de otimização do consumo, como o uso de nobreaks para equacionar o fluxo de energia, mesmo frente à oscilações, e ainda aumentar a vida útil dos equipamentos elétricos, minimizando o descarte de lixo eletrônico”, aponta o executivo.

Outro aspecto essencial do Dia Mundial da Energia é garantir o acesso à energia a todos, pois, apesar da energia ser um catalisador para o desenvolvimento econômico e inclusão social, milhões de pessoas em todo o mundo ainda vivem sem acesso a serviços energéticos modernos. Com esse olhar, Mouallem destaca que o Dia Mundial da Energia é uma oportunidade para reforçar a discussão sobre como construir um futuro energético mais sustentável, o que exigirá cooperação internacional, investimentos significativos em pesquisa e desenvolvimento, políticas públicas sólidas e um compromisso renovado com a sustentabilidade em todos os níveis da sociedade.

19/03/2024
 

Casas conectadas, aparelhos que respondem por mensagem de voz, sistemas de luz que diminuem e aumentam a intensidade conforme o número de pessoas no local, essas são apenas algumas das inovações que estamos vivenciando nos últimos anos e com certeza podemos esperar muitas outras durante os próximos meses, principalmente com o uso de inteligência artificial. Hoje, devido ao trabalho e o estudo remoto, a residência assumiu o papel de ser mais do que um lar, de ser um ambiente hiperconectado que traz mais praticidade para o dia a dia, impulsionando a busca por soluções energéticas que garantam o perfeito funcionamento das tecnologias.

Segundo dados da Associação Brasileira de Automação Residencial e Predial (Aureside), o mercado global de automação residencial passou a crescer a uma taxa anual de 27,93% no ano passado e essa tendência de crescimento deve se manter até 2032. Aqui no Brasil não é diferente e a demanda energética também segue tendência de alta. A Agência Internacional de Energia – IEA – espera um crescimento de 2,5% ao ano no uso de energia no país, mas acredito que essa porcentagem será ainda maior com a robustez das inovações tecnológicas que ainda estão por vir.

Hoje, com a IA, a automação alcançou um novo patamar, sendo muito mais personalizada ao gosto de cada morador. Basta observar os lançamentos dos grandes players globais de tecnologia: no final do ano passado, o Google anunciou um novo recurso de automação residencial para seu produto “Google Home”, o Help Me Script, que permite ao usuário criar automações personalizadas e

m sua casa por meio da descrição em texto do que ele deseja que ocorra em sua casa. Além disso, o produto conta com machine learning sendo cada vez mais preciso, personalizado e com a capacidade de prever o gosto de cada pessoa. Esse é somente um pequeno exemplo de como as novas tecnologias estão trazendo modificações para as residências e engana-se quem acredita que isso é apenas uma questão de praticidade. Atualmente, já é possível encontrar sistemas de segurança complexos que funcionam por comandos de voz, IA e aplicativos, trazendo ainda mais segurança e automação para as residências, sem contar o fato da valorização imobiliária, que agrega um ganho financeiro pelos investimentos realizados.

 

Novas oportunidades de mercado

Segundo levantamento da empresa internacional de pesquisa ReportLinker, as casas automatizadas já são uma realidade e este mercado deve alcançar o valor global de R$ 58,8 bilhões até o ano de 2028. Este cenário traz uma grande oportunidade de negócio para as empresas brasileiras da área de energia, com a possibilidade de criar soluções que garantam maior eficiência energética para suportar todas essas novas tecnologias, estimulando a agenda de sustentabilidade na sociedade, como também fazer inovações que assegurem o fornecimento de energia, independente de fatores externos, como nobreaks, por exemplo.

No início do ano, presenciamos chuvas devastadoras que resultaram em apagões nas maiores capitais do país, causando enormes prejuízos para o comércio e complicações para a população em geral. Os danos destes ep

isódios poderiam ter sido mitigados se a sociedade tivesse mais consciência sobre o uso energético e investisse em soluções que garantissem esse ativo independente da s

ituação. Sistemas simples de proteção de energia já fazem toda a diferença em contextos como esse, garantindo o funcionamento dos equipamentos por horas, sendo indispensável principalmente em locais que não podem ficar sem energia nem por um segundo.

O mercado de nobreaks é positivamente impactado em momentos de falhas no fornecimento de energia e segue em tendência de alta principalmente devido aos traumas dos episódios recentes das chuvas, mas eu acredito que esse número aumentará ainda mais por conta do protagonismo que a energia está assumindo no cenário atual. Cabe à sociedade – consumidores, governantes, empresas – entender a complexidade e a importância do uso energético de forma consciente, para que esse ativo esteja sempre disponível e seja pauta recorrente nas agendas de ESG, sendo utilizado da forma mais estratégica e responsável possível.

Pedro Al Shara é CEO da TS Shara, indústria nacional fabricante de nobreaks, inversores e estabilizadores de tensão e protetores de rede inteligente.
 

26/02/2024

A TS Shara, fabricante nacional de nobreaks e estabilizadores de energia, inicia o ano com o anúncio de três novidades para o mercado de filtros de linha que serão lançadas ainda no primeiro semestre de 2024. Os novos produtos complementam a família de filtros de linha da TS Shara voltadas para os segmentos residenciais, comerciais, industriais e edge computing.

Os novos filtros de linha da TS Shara possuem a funcionalidade de proteger os equipamentos conectados a ele contra choques elétricos, além de trazerem mais praticidade e segurança aos consumidores, devido à quantidade de entradas de tomadas disponíveis nos produtos. A empresa enxerga esta vertical como um mercado-chave para o crescimento da companhia durante os próximos meses, trazendo inovações que irão impactar tanto perfis residenciais quanto comerciais e industriais. “Os filtros de linha já representam 6% de nossas vendas durante o ano. Sabemos do potencial do mercado de energia no país, que só tende a crescer, e queremos manter o nosso padrão de qualidade e inovação no desenvolvimento e fabricação de todas as nossas linhas de produtos, consolidando os filtros de linha da TS Shara como sinônimo de inovação nesse segmento de proteção de energia”, afirma Pedro Al Shara, CEO da TS Shara.

Os novos filtros de linha / PDUs da TS Shara possuem alto desempenho e performance no que diz respeito a proteção de surtos e redução de ruídos eletromagnéticos oriundos da rede elétrica, além de serem montados em gabinetes metálicos que são ideais para atender demandas industriais e também por serem compatíveis em montagens em racks de servidores de 19 polegadas. Dentre estes novos filtros, a linha ainda conta com um modelo que possui tecnologia de monitoramento remoto a distância via app, sendo possível ligar ou desligar suas tomadas conforme necessidade do usuário, além de contar com display LCD que informa instantaneamente o status da rede elétrica local.

Segundo o CEO da empresa, o primeiro semestre de 2024 será marcado por vários lançamentos na categoria filtros de linha. “Acreditamos no potencial do mercado de filtros de linha, vamos investir fortemente e explorar suas aplicações nas diversas verticais de mercado para nos tornarmos uma referência nacional nessa linha de produto”, antecipa Pedro Al Shara.

19/01/2024

Com o aumento das temperaturas e da umidade no período do Verão, as fortes chuvas se tornam mais frequentes. Esse tipo de precipitação nesta época do ano é caracterizado por ser intensa, rápida e violenta, com frequente incidência de raios. Segundo levantamento realizado em 2023 pelo INPE – Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, o Brasil o líder mundial neste quesito, registrando cerca de 78 milhões de descargas elétricas por ano. Além dos perigos à saúde humana, esse fenômeno da natureza também pode causar danos irreversíveis a equipamentos elétricos e eletrônicos, caso as medidas de proteção não sejam respeitadas.

Pedro Al Shara, engenheiro elétrico e CEO da TS Shara, fabricante nacional de nobreaks e estabilizadores de energia (equipamentos que protegem contra os picos variações e falhas de energia), comenta que esse período do ano pede cautela. “As variações de tensão na rede elétrica podem oferecer riscos aos aparelhos eletrônicos, trazendo custos elevados de reparo ou até mesmo danos irreversíveis a eles, que na maioria das vezes são imperceptíveis aos usuários de imediato, pois os componentes são afetados lentamente, diminuindo sua vida útil”, explica.

Pensando nisso, o especialista recomenda alguns cuidados básicos que podem auxiliar a proteger os aparelhos eletrônicos, assim como a rede elétrica:

Desconectar da tomada: Caso haja falta de energia, o ideal é desligar todos os equipamentos sensíveis da tomada, como smartTvs, micro-ondas, celulares, dentre outros. Também é recomendado seguir este mesmo passo em períodos de oscilação de tensão energética;

Manutenção preventiva: Ao entrar neste período do ano, é fundamental que haja uma manutenção preventiva das instalações elétricas da residência, sendo indispensável a troca dos fios danificados ou descascados por novas unidades;

Protetores antirraios: Em momentos de descargas elétricas por raios, é fundamental que esteja instalado o dispositivo de proteção de energia na residência, prevenindo contra surtos de tensão, principalmente nas tomadas conectadas a equipamentos sensíveis. Além dos protetores antirraios, outros equipamentos importantes que protegem contra a sobretensão são os nobreaks.

Verificação de vazamentos: Verifique se não há algum vazamento, infiltração ou se não está entrando água por alguma janela próxima a equipamentos eletrônicos. Caso a água entre em um equipamento, ele deve ser desligado imediatamente, assim como todos os disjuntores da residência.

Ajuda especializada: Sempre peça ajuda a profissionais qualificados. Não tente manusear as redes elétricas e os aparelhos eletrônicos, principalmente em momentos de instabilidade de energia. O cuidado deve ser redobrado até mesmo para trocar uma lâmpada. Se você não possui o domínio técnico, procure um especialista;

Verifique fios e tomadas: Tenha cuidado redobrado com os aparelhos mais antigos, principalmente com aqueles que já apresentam falhas no revestimento dos fios, pois eles podem gerar curtos-circuitos e choques. Também é fundamental que os fios danificados sejam substituídos, além de contar com um aterramento adequado da rede elétrica, que através das normas brasileiras as tomadas devem ter 3 pinos FTN (Fase Neutro e Terra).

Em problemas de escala maior, é fundamental que os bombeiros sejam acionados imediatamente, por meio do número 193.

09/11/2023

Mesmo sem qualquer experiência local e tampouco garantias de sustentabilidade econômica do país a longo prazo, a Furukawa Electric decidiu apostar num destino interessante, porém arriscado, chamado Brasil. Em 1974, quando a era do Milagre Brasileiro, marcada por um PIB que chegou a crescer acima de 10%, dava seus últimos suspiros, a empresa uniu-se à Mitsui & Co, também japonesa, para comprar a fábrica da americana Kaiser Aluminun. A planta ficava em Lorena, no interior de São Paulo. Foi ali, com participação majoritária na sociedade, que a Furukawa passou a operar em território brasileiro.

Começou como Furukawa Industrial S/A Produtos Elétricos (FISA), produzindo cabos de alumínio para linhas de transmissão. Agarrou a chance de fornecer seu produto para um sistema elétrico em transformação, com a entrada em operação da Usina Hidrelétrica de Itaipu, herança dos anos de glória do final da década de 60. Também se beneficiou de outra oportunidade conjuntural. Na época, havia forte incentivo ao uso de materiais de fabricação nacional. Assim, a equação estava fechada: Furukawa, uma empresa estabelecida no Brasil, com capacidade tecnológica e produtiva, estava pronta para atender à forte demanda que se anunciava. Seguiu firme, mesmo frente à concorrência que se intensificou no decorrer dos anos. E o que a trouxe a Lorena, tornou-se seu diferencial no mercado: Furukawa veio para produzir aqui.

Ainda hoje, às portas de seu ano 50 de Brasil e já como Furukawa Electric LatAm (FEL), a fórmula – desenvolvimento tecnológico inovador + produção local customizada – ainda explica muito do sucesso e da trajetória da companhia, que evoluiu de fabricante de cabos de alumínio à desenvolvedora do que há de mais moderno no mercado de fibra ótica e ferramentas para uma sociedade hiperconectada. Tudo baseado na força e espírito pioneiro de um time, que está sempre pronto a dar as respostas necessárias. Pode ser criando um produto para a expansão rápida da rede de Telecom em plena pandemia de Covid-19, a era do isolamento, sem que seja preciso aumentar a quantidade de pessoas em campo; ou uma solução capaz de driblar, de maneira quase invisível, os obstáculos físicos de uma casa, como paredes, escadas e vãos, levando internet do modem até bem pertinho do usuário, sem derrubar um só tijolo.

23/10/2023

A TS Shara, fabricante nacional de nobreaks e estabilizadores de energia, lança a linha de autotransformadores AT-3E no mercado brasileiro. São cinco novos modelos, com capacidade para transformar a energia de 115V para 220V e de 220V para 115V, sendo ideal para aplicações de uso residencial, industrial e comercial que necessitam fazer a transformação da tensão energética com total segurança.

Segundo Pedro Al Shara, CEO da empresa, os autotransformadores são produtos com muito usos e aplicações essenciais no dia a dia de profissionais que trabalham com equipamentos elétricos e necessitam, por exemplo, regular a tensão de linhas de transmissão, transformar tensões e na partida de motores de indução.

“Queremos aumentar cada vez mais nosso portfólio de soluções em energia para garantir que conseguimos atender qualquer demanda do mercado. Quando anunciamos novos autotransformadores, temos sempre como objetivo entregar a maior capacidade de carga em comparação a equipamentos concorrentes que possuem a mesma potência, e, para isso, estamos sempre atentos e estudando as maiores novidades de nosso setor”, afirma o CEO da TS Shara.

De acordo com o executivo, com o lançamento da linha AT-3E é estimado um crescimento inicial de 6% no faturamento total da TS Shara, número que pode aumentar de acordo com a expectativa de futuras vendas dos produtos. “O último trimestre do ano é um período muito estratégico e fundamental para nosso balanço anual. Ainda pretendemos trazer mais novidades ao mercado até o final de 2023”, antecipa o CEO.

A nova linha de autotransformadores chega ao mercado a partir da segunda quinzena de outubro, e estará disponível nos canais de vendas da TS Shara, além de lojas de equipamento elétricos, mecânicos e de ferramentas.

01/06/2023

A Finder é uma empresa italiana fundada em 1954 que nasceu com a invenção do relé de impulso. Hoje a marca é referência mundial em relés, temporizadores e componentes eletro-eletrônicos. Desde sua fundação, a marca carrega originalidade e tecnologia em sua ampla gama, levando soluções inteligentes a diversos segmentos industriais, prediais e de energia.

Presente no Brasil desde 1998, a filial brasileira está estabelecida na cidade de São Caetano do Sul, na região do ABC Paulista, e em 2023 celebra 25 anos de presença nacional.

Esses 25 anos de Finder Brasil foram marcados pela construção de uma história peculiar de credibilidade, qualidade e inovação, pautada pela conexão única que tem com cada um de seus clientes, distribuidores, revendedores, parceiros e colaboradores.

“Jamais imaginei que sentado em um banco em frente a um aparelho de fax pudesse chegar tão longe”, comenta Juarez Guerra, diretor comercial da empresa e profissional responsável pela fundação da filial brasileira, relembrando o início da trajetória.

 

A sede da Finder Brasil é um verdadeiro showroom de tecnologia

Localizada em um edifício próprio na cidade de São Caetano do Sul – SP, inaugurado em 2005, com 1.500m² de área construída distribuída em 3 andares modernos, espaçosos e tecnológicos, a Finder Brasil conta com uma ampla área de estoque e logística que garante a entrega rápida e eficiente de seus produtos para todas as localidades brasileiras. Em cada um dos ambientes é possível conhecer as soluções para automação predial fornecidas pela empresa. No auditório Piero Giordanino, é possível conhecer toda a gama de produtos através de kits didáticos e paineis demonstrativos, mantendo ativo um dos princípios da Finder Brasil: disseminar a tecnologia, na prática.

A Finder Brasil conta com uma programação especial neste ano, afinal, são muitos os motivos para celebrar essa trajetória de sucesso e da Finder Brasil.

 

Crescer com controle e sempre

Com esse lema, Juarez Guerra trabalhou para que os negócios da Finder no Brasil crescessem sempre de maneira sustentável e consistente, garantindo assim, um crescimento equilibrado e organizado, expandindo o mercado de atuação também para outros países da América do Sul.

Após 10 anos de estabilidade em território brasileiro, foi fundada a Filial Argentina estabelecida na capital Buenos Aires, e em 2017 inaugurado o Centro Logístico de Distribuição estabelecido em Montevidéu e responsável pela distribuição dos produtos Finder para o Peru, Chile, Colômbia, Equador, Bolívia, Paraguai e Uruguai,

 

Nada segura a tecnologia

Mais uma frase marcante do fundador da Finder Brasil, Juarez Guerra,”nada segura a tecnologia”, afinal, a tecnologia avança de forma muito veloz e está presente em todos os lugares influenciando em nosso dia a dia.

Durante sua trajetória, a Finder Brasil estabeleceu uma estreita relação com dezenas de escolas técnicas voltadas ao ensino profissional, levando soluções inovadoras e aportando as mais novas tecnologias em diversas áreas de atuação.

Com o lançamento do sistema Finder YESLY para automação residencial, em meados de 2019, a empresa intensificou ainda mais seus esforços em prol da capacitação técnica, especialmente junto às unidades do SENAI, onde mais de uma centena de conjuntos do sistema já foram distribuídos, alcançando mais de 60 escolas ao redor do Brasil, desde o Acre, passando pelo Ceará, Bahia, São Paulo até chegar no Rio Grande do Sul.

Treinamos mais de 200 docentes os quais levarão aos seus alunos o conhecimento adquirido, fazendo com que se aprenda na prática a instalação deste sistema, proporcionando aos futuros profissionais do mercado aprendizado e soluções inovadoras e aos clientes finais, conforto e modernidade.

 

A originalidade de uma marca italiana com a essência de uma equipe brasileira

A Finder Brasil é uma empresa que se orgulha em dizer que sua história foi construída por pessoas que acreditaram no potencial da marca e de seus produtos..

Para celebrar tantas conquistas, a empresa fez questão de realizar uma semana comemorativa e memorável com muitos eventos que marcaram as comemorações dos 25 anos da filial brasileira.

Lançamento oficial do OPTA, o primeiro relé lógico programável do mercado, que foi apresentado para clientes, parceiros, amigos, influenciadores e imprensa especializada. O OPTA é uma inovação da Finder que chegou para revolucionar o mercado da automação.

Comemoração com os colaboradores com direito a emocionante discurso e apresentação do novo vídeo manifesto que reforça os valores da empresa. A ocasião foi marcada também pela presença do Prefeito de São Caetano do Sul, José Auricchio Júnior e sua comitiva, que visitaram as instalações da empresa na cidade.

E como de costume, também aconteceu uma grande festa para colaboradores e familiares que tornaram as comemorações de 25 anos da Finder no Brasil ainda mais especial.