Setor demonstra preocupação com aumento de roubo de cargas

06/05/2015

Nos últimos meses foram registradas diversas ocorrências relacionadas a roubo de cargas de produtos eletroeletrônicos nas mais variadas regiões do Brasil, com invasões a indústrias, centros de distribuição e lojas varejistas.

O mais recente caso, de grande proporção, ocorreu na madrugada de sábado (2), no Centro de Distribuição do Magazine Luiza, em Louveira-SP. Em função disso, o Grupo de Trabalho de Prevenção ao Roubo de Cargas da Abinee, tem demonstrado preocupação com o aumento do número de incidentes e com os impactos destas ações criminosas para a atividade das empresas do setor eletroeletrônico.

Diante de um cenário retraído de mercado e com o crescimento de equipamentos roubados, além dos prejuízos diretos, as indústrias são obrigadas a incrementar seus gastos com segurança, o que afeta ainda mais a sua capacidade competitividade.

A Abinee criou, em 2014, o Grupo de Trabalho de Prevenção ao Roubo de Cargas, com a intenção de elaborar estatísticas e desenvolver um trabalho de inteligência para fornecer aos órgãos oficiais. O objetivo é contribuir com os responsáveis pela implementação de legislações e medidas para o combate e roubo de cargas no país, assim como aprimorar aquelas já existentes.O grupo tem feito gestões junto a diversas secretarias de segurança, como de São Paulo, Rio de Janeiro e Nordeste - regiões onde se concentram o maior número de ocorrências -, para desenvolver trabalhos de inteligência.


Informações Adicionais

Robson da Silva Freitas

Assessor de Coordenação

11 2175-0011

 
 
Abinee - Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica

Escritório Central: Avenida Paulista, 1313 - 7º andar - 01311-923 - São Paulo - SP
Fone: 11 2175-0000 - Fax: 11 2175-0090