Indústrias do setor indicam queda nas vendas no primeiro trimestre

23/03/2016

Os negócios das empresas do setor eletroeletrônico devem encerrar o trimestre de 2016 em baixa. Segundo Sondagem realizada pela Abinee, 44% das empresas consultadas têm previsão de queda na comparação com os três primeiros meses de 2015, enquanto 30% esperam crescimento e 26%, estabilidade.

A pesquisa identificou também que 40% das empresas esperam queda no mês março na comparação com março de 2015, enquanto 34% das entrevistadas acreditam em expansão.

No mês de fevereiro, as vendas/encomendas recuaram para mais da metade dos entrevistados ao comparar com fevereiro do ano passado (51%). Os estoques, tanto de insumos e matérias-primas, como de produtos acabados, continuaram elevados. No caso de componentes e matérias-primas, 39% das respostas mostraram estoques acima do normal. No caso de produtos acabados, 35% das empresas deram essa indicação.

Desemprego

A Sondagem revelou que as empresas mantêm a expectativa na tendência de desemprego. Segundo o levantamento, 41% das entrevistadas indicaram queda no número de empregados, enquanto somente 8% das empresas apontaram crescimento (resultado idêntico ao de janeiro deste ano).

“Estes resultados continuam refletindo as consequências das crises política e econômica e reforçam a urgência de superarmos o impasse atual, pois o setor produtivo, em particular a indústria, é a grande penalizada”, diz o presidente executivo da Abinee, Humberto Barbato.

Veja a Sondagem completa

 

Informações Adicionais

Luiz Cezar Elias Rochel

Gerente de Economia

11 2175-0030

Informações Imprensa

Jean Carlo Martins

Assessor de Comunicação

11 2175-0099

 
 
Abinee - Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica

Escritório Central: Avenida Paulista, 1313 - 7º andar - 01311-923 - São Paulo - SP
Fone: 11 2175-0000 - Fax: 11 2175-0090