Produção do setor eletroeletrônico cresce 2% em janeiro

09/03/2017

A produção do setor eletroeletrônico apontou crescimento de 2% em janeiro de 2017 na comparação com o mesmo mês de 2016. É o que mostram os dados divulgados pelo IBGE e agregados pela Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica (Abinee).

O resultado foi puxado pelo desempenho da indústria eletrônica, que apresentou expansão de 18,1%, enquanto a indústria elétrica sofreu decréscimo de 8,5%.

O presidente da Abinee, Humberto Barbato, destaca que este é o segundo mês consecutivo que a produção apresenta crescimento em relação ao mesmo mês do ano anterior. Em dezembro de 2016, foi registrada expansão de 8% na comparação com o mesmo mês de 2015.

“O resultado da produção e o desempenho do nível de emprego do setor, que abriu 1.814 vagas em janeiro, são boas notícias que esperamos se mantenham no decorrer do ano”, afirma Barbato.

Em relação ao mês anterior, com ajuste sazonal, a produção do setor apresentou queda de 6,9%. A indústria eletrônica recuou 12,5% e a indústria elétrica, -1,3%.

Barbato acrescenta que o setor eletroeletronico ainda precisa percorrer um longo caminho para recuperar as perdas recentes. Nos últimos 12 meses, a produção da indústria eletroeletrônica sofreu queda de 8,6%, sendo: redução de 10,5% nas atividades da indústria eletrônica; e retração de 7,2% na indústria elétrica.

PERÍODO

Indústria Eletrônica CNAE 26

Indústria Elétrica
CNAE 27

Total Setor Eletroeletrônico CNAEs 26 + 27

Jan/17

- mês anterior (sem ajuste)

16,3%

4,8%

9,7%

- mês anterior (com ajuste)

-12,5%

-1,3%

-6,9%

- mês ano anterior

18,1%

-8,5%

2,0%

- acumulado no ano

18,1%

-8,5%

2,0%

- acumulado 12 meses

-10,5%

-7,2%

-8,6%

 

Informações Adicionais

Luiz Cezar Elias Rochel

Gerente de Economia

11 2175-0030

Informações Imprensa

Jean Carlo Martins

Assessor de Comunicação

11 2175-0099

 
 
Abinee - Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica

Escritório Central: Avenida Paulista, 1313 - 7º andar - 01311-923 - São Paulo - SP
Fone: 11 2175-0000 - Fax: 11 2175-0090