Desempenho Setorial

Dados Atualizados em Abril de 2014

O faturamento do Setor Eletroeletrônico no ano de 2013 atingiu R$ 156,7 bilhões, o que representou crescimento nominal de 8% (Quadro 1) na comparação com 2012. Em termos reais (descontada a inflação do setor com base no IPP - Índice de Preços ao Produtor do IBGE, de 1,9% para 2013), o crescimento foi de 5%.

A produção física da indústria elétrica e eletrônica cresceu 2% em relação a 2012, conforme dados do IBGE.

Apesar da desvalorização cambial, da ordem de 10% em 2013, as importações continuaram ocupando espaço do mercado, atingindo, no caso dos bens finais, a participação de 23,0% no consumo interno, a maior verificada desde 2008. Para 2014, esta participação deverá atingir 25,5%. (Quadro 2)

Nesse sentido, chama a atenção o crescimento das importações nas áreas de Equipamentos Industriais, Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica (GTD) e Material Elétrico de Instalação, cujas respectivas representatividades no mercado interno em 2013 alcançaram 29,8%, 21,7% e 19,3%, conforme evolução verificada no Quadro 3.

Também foi significativo o aumento de 10% nas importações de Componentes Elétricos e Eletrônicos, que atingiram US$ 24,6 bilhões, em 2013, representando 56% das importações totais das indústrias do setor. Este crescimento tem ocorrido em função da ampliação do uso da eletrônica nos produtos em geral, como automóveis, equipamentos elétricos, etc., bem como da utilização de componentes de maior valor agregado, decorrente da evolução tecnológica dos produtos. (Quadro 4)

Por sua vez, em 2013, as exportações ficaram 5% abaixo das realizadas no ano anterior, pouco contribuindo para os negócios do setor. Portanto, a atividade da indústria elétrica e eletrônica continuou dependendo do mercado interno. (Quadro 5)

A representatividade das exportações no faturamento da indústria eletroeletrônica ficou em 10,1%, significativamente inferior à verificada em 2008 (14,7%). (Quadro 5A)

O resultado da balança comercial do setor alcançou o déficit de US$ 36,2 bilhões, 11% superior ao registrado em 2012 (US$ 32,5 bilhões). (Quadro 6)

O crescimento do faturamento do setor eletroeletrônico foi motivado, principalmente, pelo faturamento dos novos bens de consumo no mercado, como smartphones (Quadro 7) e tablets (Quadro 8), além dos bens de capital seriados (Quadro 9).

Os tablets estão ocupando o espaço dos notebooks, e, já em agosto de 2013, superaram as vendas destes produtos. Por sua vez, os smartphones estão substituindo os telefones celulares tradicionais, ultrapassando as vendas, desde o mês de maio, verificando-se que o mercado de celulares como um todo cresceu 14% na comparação a 2012.

De forma geral, as demais áreas tiveram crescimentos bastante modestos (Quadro 1). Considerando a taxa média de inflação para o setor no ano de 2013, tendo como referência o IPP do IBGE, de 1,9% para 2013, as áreas de Equipamentos Industriais, GTD e Material Elétrico de Instalação, por exemplo, tiveram desempenho muito próximo de 2012.

Para efeito de avaliação das áreas, ainda tendo como base os dados do IBGE, a produção de bens de capital para o setor de energia elétrica, no ano de 2013, superou em apenas 1,5% o mesmo período de 2012, enquanto que a produção de bens de capital seriados cresceram 11,3% e os não seriados caíram 13,2%. (Quadro 9)

Os investimentos das indústrias elétricas e eletrônicas (R$ 4,17 bilhões) em 2013 corresponderam a 2,7% do faturamento, índice inferior ao nível histórico do setor. (Quadro 10)

Quanto ao número de empregados, caiu de 183 mil, registrado no final de 2012, para 178 mil, no final de 2013. Ocorreram no ano alguns encerramentos de contratos de fornecimento que contribuíram para o fechamento de cerca de 5 mil postos de trabalho. (Quadro 11)

Perspectivas para 2014

Para 2014, o faturamento deverá apresentar crescimento nominal de 7% em relação a 2013. (Quadro 13)

Os indicadores macroeconômicos não ajudam a formular previsões melhores, dado que seus principais elementos mostram desequilíbrios cujas correções ou controle exigem medidas restritivas ao crescimento da atividade econômica.

Entre eles, destacamos os níveis de inflação flutuando perto do limite da meta estabelecida pelo governo, deterioração das contas públicas, e crescentes déficits em conta corrente.

As importações do setor continuarão em crescimento em 2014, atingindo US$ 48 bilhões, representando incremento de 10% sobre 2013.

Por sua vez, as exportações deverão manter estabilidade, ficando em US$ 7,4 bilhões. Desta forma, o déficit do setor alcançará US$ 40,6 bilhões, 12% acima do verificado em 2013. (Quadro 12)

A atividade do setor deverá continuar amparada pelo mercado interno, com destaque, novamente, para o crescimento das vendas de tablets, smartphones e dos equipamentos industriais seriados.

Mesmo com o crescimento das vendas de tablets, a área de Informática deverá faturar apenas 3% acima do que 2013. (Quadro 13)

As áreas de bens de capital do setor eletroeletrônicos, representados pela Automação Industrial e Equipamentos Industriais, deverão crescer 12% e 7%, respectivamente. (Quadro 13)

A área de GTD apresenta previsão de 5% de crescimento, devido, entre outros fatores, ao pouco otimismo na recuperação das inversões na Distribuição de energia elétrica. (Quadro 13)

O número de empregado deverá atingir 180 mil trabalhadores. (Quadro 12)

ANEXOS

Quadro 1

Faturamento Total por Área
(R$ milhões a preços correntes)
2011 2012 2013  2013 X
 2012  
Automação Industrial 3.725 3.920 4.368 11%
Componentes Elétricos e Eletrônicos 9.828 9.755 10.696 10%
Equipamentos Industriais 22.272 22.322 23.599 6%
GTD* 13.097 15.307 16.220 6%
Informática 43.561 43.561 47.046 8%
Material Elétrico de Instalação 9.654 9.019 9.478 5%
Telecomunicações 19.901 22.811 26.689 17%
Utilidades Domésticas 16.102 17.841 18.649 5%
Total 138.140 144.536 156.745 8%

* GTD - Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica


Faturamento Total

Quadro 3

Participação das Importações no Consumo Aparente 2011 2012 2013
Equipamentos Industriais 24,3% 27,4% 29,8%
GTD 20,2% 16,5% 21,7%
Material de Instalação 13,6% 16,2% 19,3%

Quadro 4

Importações de Produtos do Setor
(US$ milhões)
2011 2012 2013  2013X
 2012  
Automação Industrial 3.883 3.935 4.407 12%
Componentes Elétricos e Eletrônicos 21.608 22.321 24.569 10%
Equipamentos Industriais 3.768 3.771 4.076 8%
GTD 1.812 1.415 1.819 29%
Informática 3.378 3.196 2.776 -13%
Material Elétrico de Instalação 889 872 1.026 18%
Telecomunicações 3.328 2.713 2.875 6%
Utilidades Domésticas 2.080 2.007 2.047 2%
Total 40.746 40.229 43.595 8%

Evolução das Importações

Quadro 4 B

Produtos mais Importados
(US$ milhões)
2012 2013  2013X
 2012  
Componentes para Telecomunicações 5.653 6.645 18%
Semicondutores 4.767 5.273 11%
Componentes para Informática 3.569 3.249 -9%
Instrumentos de Medida 1.664 1.879 13%
Eletrônica Embarcada 1.466 1.755 20%
Componentes para Equipamentos Industriais 1.446 1.609 11%
Componentes Passivos 971 1.044 8%
Componentes para Material de Instalação 881 1.003 14%
Grupo Eletrogêneos 457 952 108%
Unidades de memória 969 831 -14%

Quadro 4 C

Importações de Produtos do Setor por
Blocos Econômicos (US$ milhões)
2011 2012 2013  2013X
 2012  
Estados Unidos 4.658 4.721 5.427 15%
Aladi (Total) 1.212 1.146 1.295 13%
- Argentina 325 261 266 2%
- Outros Aladi 887 886 1.029 16%
União Européia 7.302 6.922 7.471 8%
Ásia (Total)* 25.787 25.909 27.880 8%
- China 14.607 15.008 16.197 8%
- Outros Ásia 11.180 10.901 11.683 7%
Demais Países do Mundo 1.789 1.530 1.521 -1%
Total 40.746 40.229 43.595 8%

* Exceto Oriente Médio

Participação das Importações

Quadro 5

Exportações de Produtos do Setor
(US$ milhões)
2011 2012 2013  2013X
 2012  
Automação Industrial 543 551 535 -3%
Componentes Elétricos e Eletrônicos 3.526 3.660 3.285 -10%
Equipamentos Industriais 1.576 1.433 1.341 -6%
GTD 683 676 948 40%
Informática 422 380 386 2%
Material Elétrico de Instalação 96 86 97 13%
Telecomunicações 893 569 432 -24%
Utilidades Domésticas 459 365 339 -7%
Total 8.198 7.719 7.363 -5%

Participação das Exportações

Quadro 5 C

Produtos mais Exportados
(US$ milhões)
2012 2013  2013X
 2012  
Eletrônica Embarcada 809 785 -3%
Componentes para Equipamentos Industriais 981 761 -22%
Motores e Geradores 758 741 -2%
Motocompressor Hermético 666 551 -17%
Instrumento de Medida 248 256 3%
Componentes para Material de Instalação 235 239 2%
Transformadores 221 238 7%
Componentes para Telecomunicações 231 197 -15%
Componentes Passivos 161 187 16%
Cabos para GTD 27 172 537%

Quadro 5 D

Exportações de Produtos do Setor por
Blocos Econômicos (US$ milhões)
2011 2012 2013  2013X
 2012  
Estados Unidos 1.204 1.589 1.194 -25%
Aladi (Total) 4.426 3.919 3.849 -2%
- Argentina 1.990 1.615 1.550 -4%
- Outros Aladi 2.436 2.304 2.299 0%
União Européia 1.192 981 1.001 2%
Ásia (Total)* 507 504 622 23%
- China 161 228 200 -12%
- Outros Ásia 346 277 422 53%
Demais Países do Mundo 870 726 697 -4%
Total 8.198 7.719 7.363 -5%

* Exceto Oriente Médio


Participação das Exportações

Quadro 7

Mercado de Telefones Celulares
(em mil unidades)
Tradicionais Smartphones Celulares Total
2011 58.011 8.999 67.009
2012 43.493 16.010 59.503
2013 32.176 35.623 67.799
2014* 19.545 46.660 66.206

* projeção


Quadro 8

Mercado de PCs e Tablets
(em mil unidades)
Desktops Notebooks Tablets PCs + Tablets
2011 7.500 8.354 1.144 16.998
2012 6.582 8.932 3.267 18.781
2013 5.740 8.205 8.386 22.331
2014* 4.499 8.368 11.144 24.011

* projeção


Quadro 9

Produção Física Brasil
Índices Especiais de Bens de Capital - IBGE
 Dez/13X
 Dez/12  
 Jan-Dez/13X
 Jan-Dez/12  
Bens de Capital para Fins Industriais Seriados 7,7% 11,3%
Bens de Capital para Fins Industriais Não Seriados -2,4% -13,2%
Bens de Capital para o Setor de Energia Elétrica 1,0% 1,5%


Quadro 10

Investimento em Ativo Fixo % Faturamento R$ milhões
2006 3,1% 3.177
2007 3,2% 3.525
2008 4,0% 4.877
2009 2,8% 3.135
2010 2,9% 3.560
2011 3,2% 4.380
2012 2,6% 3.732
2013 2,7% 4.168
2014* 2,9% 4.794

* projeção


Participação das Exportações

Quadro 12

Projeções dos Principais Indicadores do Setor 2013 2014  2014 X
 2013  
Faturamento (R$ milhões) 156.745 168.106 7%
Faturamento (US$ milhões) 72.574 70.044 -3%
Exportações (US$ milhões) 7.363 7.400 0%
Importações (US$ milhões) 43.595 48.000 10%
Saldo (US$ milhões) -36.231 -40.600 12%
Nº de Empregados (mil) 178 180 1%


Quadro 13

Projeções para Faturamento Total por Área
(R$ milhões a preços correntes)
2013 2014  2014X
 2013  
Automação Industrial 4.368 4.892 12%
Componentes Elétricos e Eletrônicos 10.696 11.766 10%
Equipamentos Industriais 23.599 25.251 7%
GTD 16.220 17.031 5%
Informática 47.046 48.458 3%
Material Elétrico de Instalação 9.478 10.142 7%
Telecomunicações 26.689 30.425 14%
Utilidades Domésticas 18.649 20.141 8%
Total 156.745 168.106 7%

Principais Indicadores - Dados atualizados em abril de 2014

Principais Indicadores 2011 2012 2013 2014*  2013
2012
 2014*
2013
Faturamento
(R$ bilhões)
138,1 144,5 156,7 168,1 8% 7%
Faturamento
(US$ bilhões)
82,5 73,9 72,6 70,0 -2% -3%
Numero de Empregados
(mil)
180,3 183,0 177,9 180,0 -3% 1%
Exportações
(US$ milhões)
8.198 7.719 7.363 7.400 -5% 0%
Importações
(US$ milhões)
40.746 40.229 43.595 48.000 8% 10%
Déficit Comercial Setorial
(US$ milhões)
-32.548 -32.510 -36.231 -40.600 11% 12%
Investimentos
(R$ milhões)
4.380 3.732 4.168 4.794 12% 15%
Investimentos
(Porcentagem sobre o Faturamento)
3,2% 2,6% 2,7% 2,9% - -
Faturamento por Empregado
(R$ mil)
766,1 789,9 881,3 933,9 12% 6%
Correspondência do Faturamento em Relação ao PIB (%) 3,3 3,3 3,2 3,2 -1% -1%
Participação das Exportações no Faturamento (%) 9,9 10,4 10,1 10,6 -3% 4%
Participação das Exportações do Setor no Total das Exportações do País (%) 3,2 3,2 3,1 2,9 -4% -4%
Participação das Importações do Setor no Total das Importações do País (%) 18,0 18,0 17,9 20,8 0% 16%

* Projeção

Apresentação Coletiva de Imprensa - Abril 2014 - (2,0 Mb)


Informações Adicionais

Luiz Cezar Elias Rochel

Gerente de Economia

11 2175-0030

 
 
Abinee - Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica

Escritório Central: Avenida Paulista, 1313 - 7º andar - 01311-923 - São Paulo - SP
Fone: 11 2175-0000 - Fax: 11 2175-0090